O plantel mais caro do mundo!!

O plantel mais caro do mundo!!
Jogam sujo, recebem muito, viciam o jogo e perdem sempre...

01/07/2010

Mais uma golpada - Jorge Viegas Vasconcelos despediu-se da ERSE...e quem é este boy? ...

ISTO AINDA VAI ACABAR POR PROVOCAR UMA REVOLUÇÃO E O PIOR É QUE EM VEZ DE SER UM 25 DE ABRIL ATÉ PODE SER UM 28 DE MAIO.
uma golpada com muita classe, e os golpeados somos nós....Era uma vez um senhor chamado Jorge Viegas Vasconcelos, que era presidente de uma coisa chamada ERSE, ou seja, Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos, organismo que praticamente ninguém conhece e, dos que conhecem, poucos devem saber para o que serve.
Mas o que sabemos é que o senhor Vasconcelos pediu a demissão do seu cargo porque, segundo consta, queria que os aumentos da electricidade ainda fossem maiores. Ora, quando alguém se demite do seu emprego, fá-lo por sua conta e risco, não lhe sendo devidos, pela entidade empregadora, quaisquer reparos, subsídios ou outros quaisquer benefícios. Porém, com o senhor Vasconcelos não foi assim. Na verdade, ele vai para casa com 12 mil euros por mês - ou seja, 2.400 contos - durante o máximo de dois anos, até encontrar um novo emprego.
Aqui, quem me ouve ou lê pergunta, ligeiramente confuso ou perplexo: «Mas você não disse que o senhor Vasconcelos se despediu?».
E eu respondo:  «Pois disse. Ele demitiu-se, isto é, despediu-se por vontade própria!».
E você volta a questionar-me: «Então, porque fica o homem a receber os tais
2.400 contos por mês, durante dois anos? Qual é, neste país, o trabalhador que se despede e fica a receber seja o que for?».
Se fizermos esta pergunta ao ministério da Economia, ele responderá, como já respondeu, que «o regime aplicado aos membros do conselho de administração da ERSE foi aprovado pela própria ERSE». E que, «de acordo com artigo 28 dos Estatutos da ERSE, os membros do conselho de administração estão sujeitos ao estatuto do gestor público em tudo o que não resultar desses estatutos». Ou seja: sempre que os estatutos da ERSE forem mais vantajosos para os seus gestores, o estatuto de gestor público não se aplica.
Dizendo ainda melhor: o senhor Vasconcelos (que era presidente da ERSE desde a sua fundação) e os seus amigos do conselho de administração, apesar de terem o estatuto de gestores públicos, criaram um esquema ainda mais vantajoso para si próprios, como seja, por exemplo, ficarem com um ordenado milionário quando resolverem demitir-se dos seus cargos. Com a bênção avalizadora, é claro, dos nossos excelsos governantes.
Trata-se, obviamente, de um escândalo, de uma imoralidade sem limites, de uma afronta a milhões de portugueses que sobrevivem com ordenados baixíssimos e subsídios de desemprego miseráveis. Trata-se, em suma, de um desenfreado, e abusivo desavergonhado abocanhar do erário público. Mas, voltemos à nossa história.
O senhor Vasconcelos recebia 18 mil euros mensais, mais subsídio de férias, subsídio de Natal e ajudas de custo. 18 mil euros seriam mais de 3.600 contos, ou seja, mais de 120 contos por dia, sem incluir os subsídios de férias e Natal e ajudas de custo.
Aqui, uma pergunta se impõe:   Afinal, o que é - e para que serve - a ERSE? A missão da ERSE consiste em fazer cumprir as disposições legislativas para o sector energético.
E pergunta você, que não é burro: «Mas para fazer cumprir a lei não bastam os governos, os tribunais, a polícia, etc.?».  Parece que não. A coisa funciona assim: após receber uma reclamação, a ERSE intervém através da mediação e da tentativa de conciliação das partes envolvidas. Antes, o consumidor tem de reclamar junto do prestador de serviço. Ou seja, a ERSE não serve para nada. Melhor serve para manter estes boys que são o sustentáculo da chucharia, que desenvolve estratérgias, que controlam o sistema, que manipulam e vão infernizando todas as possibilidaes de corrigir o estado levando como moeda de troca apenas gastar somas astronómicas e vidas principescas aos seus administradores. Aliás, antes da questão dos aumentos da electricidade, quem é que sabia que existia uma coisa chamada ERSE? Até quando o povo português, cumprindo o seu papel de pachorrento bovino, aguentará tão pesada canga? E tão descarado gozo? Politicas à parte estou em crer que perante esta e outras, só falta mesmo manifestarmos a nossa total indignação.

3 comentários:

  1. Este comentário foi removido por um administrador do blogue.

    ResponderEliminar
  2. O Estado Português descobriu a lógica inversa. O que é? Não sei. Mas o texto explica

    Um jovem de 18 anos recebe 200€ do Estado para não trabalhar;
    Um idoso recebe de reforma 236€ depois de toda uma vida do trabalho.
    Um marido oferece um anel à sua mulher
    E tem de declarar a doação ao fisco.
    O mesmo fisco penhora indevidamente o salário de um trabalhador e demora 3 anos a corrigir o erro.
    Nas zonas mais problemáticas das áreas urbanas existe 1 polícia para cada 2000 habitantes;
    O Governo diz que não precisa de mais polícias.
    Um professor leva uma coça de um aluno e o Governo diz que a culpa é das causas sociais.
    O café da esquina fechou porque não tinha WC para homens, mulheres e empregados.
    No Fórum Montijo o WC da Pizza Hut fica a 100 metros
    E não tem local para lavar mãos.
    O governo incentiva as pessoas a procurarem energias alternativas ao petróleo
    E depois multa quem coloca óleo vegetal nos carros porque não paga ISP (Imposto sobre produtos petrolíferos).
    Nas prisões são distribuídas gratuitamente seringas por causa do HIV, Mas é proibido consumir droga nas prisões!
    No exame final de 12º ano se és apanhado a copiar chumbas o ano, O primeiro-ministro fez o exame de inglês técnico em casa, mandou-o por fax num domingo e é engenheiro.
    Um jovem de 14 anos mata um adulto, não tem idade para ir a tribunal.
    Um jovem de 15 leva uma chapada do pai, por ter roubado dinheiro para droga, é violência doméstica!
    Uma família a quem a casa ruiu e não tem dinheiro para comprar outra, o estado não tem dinheiro para fazer uma nova, tem de viver conforme podem.
    6 Presos que mataram e violaram idosos vivem numa cela de 4 e sem wc privado, não estão a viver condignamente e a associação de direitos humanos faz queixa ao tribunal europeu.
    Militares que combateram em África a mando do governo da época na defesa de território nacional não lhes é reconhecido nenhuma causa nem direito de guerra, mas o primeiro-ministro elogia as tropas que
    estão em defesa da pátria no KOSOVO, AFEGANISTÃO E IRAQUE.
    Começas a descontar em Janeiro o IRS e só vais receber o excesso em Agosto do ano que vem. Não pagas as finanças a tempo e horas passado um dia já estas a pagar coima e juros.
    Fechas a janela da tua varanda e estas a fazer uma obra ilegal,constrói-se um bairro de lata e ninguém vê.
    Se o teu filho não tem cabeça para a escola e com 14 anos o pões a trabalhar contigo num ofício respeitável, é exploração do trabalho infantil, se és artista e o teu filho com 7 anos participa em gravações de telenovelas 8 horas por dia ou mais, a criança tem muito talento, sai ao pai ou à mãe!
    Numa farmácia pagas 0.50€ por uma seringa que se usa para dar um medicamento a uma criança. Se fosse drogado, não pagava nada!
    Obrigado Portugal. Estamos ORGULHOSOS. Os governantes fizeram de Portugal um país onde as diferenças entre os que trabalham e pagam e os que disfrutam do produto

    ResponderEliminar
  3. Se até 2009 estivémos entregues aos bichos, a partir de 2010 corremos o risco de ficar entregues às bichas.

    ResponderEliminar

A história dá boas lições que os governantes teimam em não aprender.

A história dá boas lições que os governantes teimam em não aprender.
Os nossos governantes dizem e fazem precisamente o contrario do que já os imperadores da Roma antiga sabiam.